Imagem capa - A breve história de Allana e Manoel por Thiago Dias SantAnna

A breve história de Allana e Manoel




Quando conheci a Allana e o Manoel, a história deles já tinha mexido comigo. Ele do interior de Minas e ela Bahiana, mas foi aqui no Rio de Janeiro que a história de amor aconteceu, justo no momento em que ela achava que ele desistiria dela, pois ela tinha descoberto que estava com câncer, ele a surpreende, com o pedido de casamento nesse mesmo dia. Juntos enfrentaram e venceram a luta contra a doença em meio aos preparativos para o casamento, e tudo parecia bem até que veio a pandemia e, como muitos casais, tiveram que fazer mudanças em seus planos, decidiram adiar o casamento religioso e a recepção, e se casaram apenas no civil, numa cerimônia íntima aos familiares, em Minas Gerais. Uma lição que acredito todos estamos aprendendo neste ano, é que o tempo não nos espera, e como a nova data escolhida se aproximava, fizemos o ensaio em Camboinhas, uma praia que eles sempre frequentavam e tinha tudo a ver com história deles. Não fez aquele sol que eu gosto, mas a alegria, cumplicidade e amor entre eles era visível.



Hoje seria o dia do casamento deles! Mas um acidente de moto interrompeu esse sonho.



Quando recebi a notícia do falecimento do Manoel fiquei sem acreditar por um tempo. Tínhamos feito essas fotos poucos dias antes. Confesso que para terminar de editar, foi muito difícil pois, como não pensar em tudo que eles ainda tinham pra viver juntos e nos planos que estavam se concretizando.


A fotografia de casais me proporciona muita alegria. Quase sempre conheço pessoas fantásticas e lugares incríveis, através dela. Mas o mais importante é fazer parte de um pedacinho da história dessas pessoas, e de alguma forma conseguir deixar não só uma lembrança, mas fazer com que essa lembrança tenha sabor, cheiro e principalmente conte uma história.



A história deles infelizmente foi abreviada. E nós aqui sentimos tanto por isso.. 🙁

Allana espero que essas fotos façam você ter a mais doce lembrança de tudo que viveram.



Para quem quiser ler mais detalhes aqui está o Link da reportagem publicada no site Lado de cá